Um lugar estranho

Dez dicas fortíssimas para esquecer alguém quinta-feira, março 31, Todos os dias me caem na caixa de mail pedidos de ajuda para tudo e mais alguma coisa. O tema das dores de alma sempre me interessou e sempre achei que era desvalorizado. Esquecer alguém é lixad É por este assunto me tocar que achei imperativo reunir aqui algumas ideias para esquecer gajos que nos lixaram a vida. Para isso, pedi ajuda ao meu grupo mais próximo de amigas.

Classificados de 27698

Nossos Corpos Nossas Almas

Um bloco estranho e moderno antes de eu perceber o que era isso da modernidade. A casa tinha a fachada comida pelo sol e pelo mar. Expunha-se ali no areal quanto um corpo despido. Aventurava-se ao que vinha e o que vinha, para além do mar e das intempéries, eram os inquilinos ocasionais. Um dia fui parar àquela casa levada pela curiosidade e foi sempre, na verdade, a curiosidade a levar-me aonde cheguei. O meu motor.

Em destaque

Autodisciplina, Autoconhecimento, Auto-Reverência. Antes de podermos ter o verdadeiro Autocontrole, precisamos conhecer largamente sobre nós mesmos, ou seja, precisamos adquirir o Autoconhecimento. Muitas pessoas pensam sobre si mesmas de modo benefício diferente de todos os outros que a conhecem, o que é um erro. O que inclui reverência e pena dos malvados e degradados, porque cada um deles também é uma grande Alma Humana, embora possa ser uma Alma Humana negligenciada, arruinada ou deteriorada. Através dele, Alma Humana obtém a liberdade de províncias ricas e estados poderosos. Thomas More em seu jardim em Chelsea, e sua querida filha Margaret pairando em volta e trazendo ameixas para o pai depois que o rei foi embora. Estamos Fazendo História.

Nossos Corpos, Nossas Almas

Sem fronteiras 3. Aquela viagem, num momento histórico marcado pelas Cruzadas, demonstrava exatamente mais a grandeza do amor que queria viver, desejoso de abraçar a todos. As questões relacionadas com a fraternidade e a amizade social sempre estiveram entre as minhas preocupações. Além-mundo disso, quando estava a redigir esta carta, irrompeu de forma inesperada a pandemia do Covid que deixou a descoberto as nossas falsas seguranças. Intenção ardentemente que, neste tempo que nos cabe viver, reconhecendo a dignidade de cada pessoa humana, possamos fazer renascer, entre todos, um anseio mundial de fraternidade. Ninguém pode enfrentar a viver isoladamente … ; precisamos duma confraria que nos apoie, que nos auxilie e dentro da qual nos ajudemos mutuamente a olhar em frente. Quanto é importante sonhar juntos! Sonhos desfeitos em pedaços Por exemplo, avançou o sonho duma Europa unida, capaz de reconhecer raízes comuns e regozijar-se com a diversidade que a habita.

Leave a Reply

Your email address will not be published.*